Pular para o conteúdo

Auxílio Gasolina no valor de R$ 300 é APROVADO; veja como receber

  • por

 

Publicidade

A aprovação do auxílio combustível veio como um grande alívio para a atual situação da população brasileira.

 

O Senado aprovou nesta quinta-feira (10/3) o Auxílio Combustível Brasileiro (ACB), sendo assim estará disponibilizando um auxílio de até R$ 300,00 reais mensais para motoristas autônomos ou de baixa renda, desde que tenha comprovado a permissão para prestação do serviço de transporte de individual de passageiros, feito pela municipalidade ou através da plataforma de transporte privado acionado por aplicativo.

Publicidade

 

O preço da venda da gasolina da ‘Petrobras’ para as distribuidoras vai passar de R$ 3,25 reais para R$ 3,86 reais por litro. No caso do diesel, o litro vai aumenta de R$ 3,61 reais para R$ 4,51 reais.

Já o preço do gás passará para R$ 58,21 reais o botijão de 13 quilos (R$ 3,86 reais para R$ 4,48 reais por kg). O último reajuste desse produto foi feito em outubro do ano passado.

Privatização da Petrobras:

 

Os senadores confirmaram que o sistema proposto é a solução “possível” neste momento para a crise atual do petróleo no Brasil, mas defenderam que o Brasil busque a autossuficiência na produção de seus combustíveis para não depender de outras importações.

 

 

Tabela de valores do Auxílio:

  • Para cidades com até 20 mil habitantes: R$ 60,00 reais motos e R$ 180,00 reais carros;
    • Para cidades entre 20 mil e 50 mil habitantes: R$ 80,00 reais motos e R$ 240,00 reais carros;
    • Para cidades acima de 50 mil habitantes: R$ 100,00 reais motos e R$ 300,00 reais carros.

    Deverão apresentar no formulário eletrônico os dados abaixo:


Seu nome completo, RG, CPF, CNH, E-mail, Telefone, Dados bancários da sua titularidade de beneficiário (Conta Corrente ou Conta Digital).

Da Solicitação e do Pagamento:


A solicitação do seu auxílio deverá ser a partir do dia (02 de abril de 2021). O auxílio será creditado diretamente na conta que será informada no formulário de solicitação, logo após todas as verificações por parte da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos – MOB.